Catequese

    A Dimensão Bíblico-catequética desenvolve os trabalhos de evangelização e de amadurecimento da fé com aprofundamento sistemático da Palavra e da Doutrina da Igreja, ligando a fé com a vida e sendo sinal de esperança na comunidade. Atualmente, conta com uma equipe de aproximadamente 90 catequistas distribuídos nas etapas da catequese com crianças dos cinco anos até os dez anos, pré-adolescentes dos 10 aos 14 anos, adolescentes dos 14 anos aos 18 anos e jovens e adultos que ainda não receberam os sacramentos de iniciação cristã e sentem a necessidade de embrenhar-se no conhecimento da Igreja. O trabalho catequético na paróquia acontece em seis comunidades ( São José Operário do Morro da Mina, Nossa Senhora de Fátima do Bairro Museu, Nossa Senhora da Paz dos bairros Belavinha e Vila Resende , Nossa Senhora Aparecida do Bairro JK, Santo Expedito da comunidade Morada do Sol e Setor Basílica). A equipe de coordenação atualmente é constituída por um coordenador-geral, coordenadores dos projetos “Vinde a Mim”, “Preparai o Caminho I e II”, “Preparai o Caminho III”, “Catequese com Adultos”, além dos coordenadores de cada comunidade. Essa equipe encontra-se mensalmente para discutir projetos, os problemas enfrentados em cada setor, manter a comunhão com os trabalhos desenvolvidos pela Equipe de Coordenação Setorial, Regional e Arquidiocesana de Catequese.

     Atualmente, os trabalhos desenvolvidos pela Catequese fundamentam-se nas orientações arquidiocesanas presentes no Plano Arquidiocesano de Catequese. O Plano trouxe novos horizontes para o trabalho desenvolvido pela Dimensão e começou a ser implementado em 2006. Atualmente, encontra-se bem sistematizado com o zelo e apoio do Revmo Pároco Padre Marcos Macário Mendes. Ele não mede esforços e contribuições para que as celebrações e momentos de anúncio da Catequese nas comunidades aconteçam de modo frutuoso e seja sinal de testemunho do Evangelho.

    Quanto aos catequistas e às famílias, observou-se no início uma resistência inicial em relação ao Plano. Hoje está superada devido ao trabalho de formação realizado periodicamente com os catequistas para a sua compreensão e sua importância na renovação dos trabalhos desenvolvidos. Aliás, mensalmente a paróquia preocupa-se em realizar a formação de catequistas com temas relacionados ao Plano, ao aprofundamento bíblico e conhecimento das questões teológicas e morais da Igreja. Essa formação expressa a preocupação da equipe formativa e Pároco para que os catequistas sejam testemunhas, tenham consistência e convicção da fé anunciada. Com relação aos pais, cada setor, desenvolve permanentemente encontros formativos para que conheçam mais sobre o trabalho desenvolvido e tomem consciência de que a participação deles é imprescindível para um bom desenvolvimento dos trabalhos. Neste sentido, chama-se a atenção dos pais como “primeiros catequistas” dos filhos.  

     Dentro dos trabalhos desenvolvidos pela Catequese e que tem sido marcas bonitas da evangelização realizada são:

  • A Catequese com adultos como um processo de “ir ao encontro dos afastados” conduzindo-os a redescobrir e aproximar-se da espiritualidade do Coração de Jesus. 
  • A Catequese com pré-adolescentes ( 10 aos 14 anos) ainda se encontra como um desafio com baixa adesão dos mesmos para o trabalho a ser desenvolvido. A mentalidade de que após a “Primeira Eucaristia” volta-se somente para fazer a Crisma ainda é forte, apesar de ser combatida. A Equipe de Catequistas procura combater a mentalidade de uma formação exclusivista para sacramentos. Volta-se para um trabalho de despertar para a importância das etapas pós - eucaristia e a necessidade de continuar o aprofundamento da fé dentro da comunidade. Para melhor referencia de trabalho, pede-se uma agilidade para a publicação de subsídios e de materiais de acordo com o Plano Arquidiocesano ainda faltosos para essas etapas.
  • Dentro da Catequese com adolescentes e jovens (14 anos até 18 anos) os catequistas encontram o desafio de sustentar um diálogo com as questões sociais, culturais e econômicas hodiernas em consonância com os ensinamentos da Igreja. Essa condição é contornada com a formação permanente de catequistas, encontros com a participação da família. Também, nessa etapa, valorizam-se as celebrações e a inserção do jovem nos conhecimentos dos trabalhos pastorais desenvolvidos na Paróquia. Procura-se despertar a consciência do jovem como “protagonistas do evangelho”.

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!